expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>
text-shadow:

sexta-feira, 29 de abril de 2016

Tiradentes: uma joia na serra de Minas Gerais

Poucas coisas se comparam a abrir a janela do quarto de seu hotel e ver torres de igrejas e telhados coloniais. Ir a Minas Gerais é uma volta ao passado, É uma aula de história ao ar livre. O clima colonial presente é contagiante. Vale a pena contratar um guia para não perder nenhum detalhe daquela região.

Igreja Matriz de Santo Antônio - Tiradentes

domingo, 24 de abril de 2016

O quarto núcleo da Imigração Italiana no Brasil

Para muitos, o estado do Rio Grande do Sul tem atrações encantadoras apenas na Serra Gaúcha. O quarto núcleo da Imigração Italiana, a Quarta Colônia, é um belo e desconhecido passeio turístico no centro do estado, próximo a Santa Maria que vale a pena visitar.


Igreja de Corpus Christi em Vale Vêneto - RS

quinta-feira, 21 de abril de 2016

Gramado e Canela: encantos da Serra Gaúcha!

Canela e Gramado abriga surpresas encantadoras. Tudo lá inspira fotos, nada se compara a nenhuma outra cidade da Federação até então já visitadas..Tudo encanta os olhos e aos ouvidos. Restaurantes maravilhosos, café colonial ímpar, fondue incríveis, lojas diversas. cidades muito limpas e povo feliz. Basta parar na calçada na intenção de atravessar a rua e acenar e os carros já param. 

Pórtico via Nova Petrópolis

terça-feira, 19 de abril de 2016

Paraty: barroco e natureza em harmonia

No último final de semana embarcamos em Paraty, litoral sul do no Rio de Janeiro. Município litorâneo que surgiu a partir de um porto que servia para escoar o ouro que vinha do estado de Minas Gerais. Hoje, o antigo porto é um cais de onde partem escunas que fazem passeio turístico pelas ilhas da região.

sexta-feira, 15 de abril de 2016

Arroio Chuí

Saindo de Cassino (matéria anterior), seguimos nosso roteiro rumo ao Chuí e sua irmã uruguaia Chuy. O Arroio Chuí é um pequeno curso d'água localizado na fronteira entre o Brasil e o Uruguai, sendo conhecido por ser o ponto extremo sul do Brasil. Por sua vez, a foz do arroio é, ao mesmo tempo, os extremos sul e oeste do litoral brasileiro (não do território nacional) e também os extremos norte e leste do litoral uruguaio.



quinta-feira, 14 de abril de 2016

Passeio de vagoneta nos Molhes da Barra

Os Molhes da Barra de Rio Grande são um dos maiores atrativos turísticos da simpática Praia do Cassino, localizados ao sul do estado do Rio Grande do Sul. São constituídos por dois quebra-mares feitos com gigantescas pedras que avançam oceano adentro e que foram construídos para dar segurança e facilitar à navegação.


segunda-feira, 11 de abril de 2016

Projeto Capitais do Brasil

Viajar de carro é maravilhoso e conhecer de perto cada pedacinho do nosso Brasil é melhor ainda. Esse é o nosso desafio atual, conhecer todas as capitais brasileiras mais o Distrito Federal. Uma deliciosa aventura para acrescentar no nosso currículo de viajantes.



                                                    Palácio Guanabara - Rio de Janeiro - RJ
07-04-2016
                                                             

Nova Petrópolis: o jardim da Serra Gaúcha!

Saindo de Gramado numa manhã gelada de chuva, seguimos nosso roteiro pelo “Lindo jardim da Serra Gaúcha” – Nova Petrópolis. Era Dia dos Namorados e resolvemos comemorar da maneira que mais gostamos: juntinhos e na estrada!


sábado, 9 de abril de 2016

Arraial do Cabo

Já viajamos bastante pelo litoral do Brasil e conhecemos muitas praias, mas nenhuma se compara as belezas que encontramos em Arraial do Cabo. Dunas, areias brancas, vegetação de restinga, lagoas e praias de mar cristalino e mirantes para apreciar e fotografar tudo isso.


terça-feira, 5 de abril de 2016

Os quatro pontos extremos do Brasil

Diferentemente do que quase todo mundo pensa, o Brasil não vai do Oiapoque ao Chuí – mas do Caburaí, no estado de Roraima, ao Chuí, no Rio Grande do Sul. O verdadeiro extremo norte fica na divisa entre o Brasil e a Guiana, no alto do monte Caburaí. 




segunda-feira, 4 de abril de 2016

Quem somos nós

Meu nome é Makenna, nasci e fui criada em Campina Grande na Paraíba, sou graduada em Marketing e herdei a paixão por estrada dos meus pais. Ao conhecer o meu esposo e as incríveis histórias de viagens dele, essa ‘herança’ despertou em mim proporções maiores, uma delas é a criação do blog.  O Dyxklay é carioca do Rio de Janeiro, já viajou por quase toda América do Sul de carro, Europa e África (de avião e em veículos alugados no local) e não sossega enquanto não pega a estrada

Somos o "Casal com rodinhas nos pés", o que determinou nome do nosso blog.

Moramos em Teresópolis, RJ e temos em nosso currículo muitas viagens e muitas histórias para contar. 

Eu sou a responsável pela criação, edição e manutenção do blog. Escolhemos juntos nossos roteiros de viagens. As reservas e todas as demais informações turísticas de onde visitamos são feitas por mim e analisadas por ele. Ele controla as planilhas, organiza os roteiros e os pequenos detalhes das viagem e é quem comanda o volante na estrada.



Estamos executando o desafio de visitar as 27 capitais brasileiras por terra. Viajamos em nosso querido Troller T4, cujo nome é Bebê que além de lindo é o responsável pelas nossas aventuras. Já visitamos 24 capitais e como registro, fazemos uma foto nossa no Palácio do Governo Estadual e Prefeitura Municipal de cada uma delas.



Viajamos no primeiro dia de férias e voltamos no último, em finais de semana e nas folgas do Dyx. Evitamos fazê-las em altas temporadas e em feriados, não curtimos lugares cheios e nem tumulto. A cada viagem que fazemos nos descobrimos outras pessoas. É por isso que viajamos, pois somos muitas em apenas dois. Aqui compartilharemos histórias nossas, das nossas aventuras pelo mundo afora. 


Venham!

Viajem conosco!

Makenna e Dyxklay Figueiredo.



sábado, 2 de abril de 2016

Viagens pelo Brasil

Viagens pelo Brasil

Reprodução: Google


Viagens de carro: veículos de passeio, veículos 4x4 e estou no meu segundo Troller T4.

Um dos meus projetos era de conhecer todas as capitais e o completei em 2012.  Pouco tempo depois conheci a Makenna, começamos a namorar e foram muitas idas e vindas de Teresópolis a Campina Grande (via aérea) até nos casarmos. Nosso roteiro da lua-de-mel contemplava algumas capitais do Nordeste e refiz o roteiro de visitar novamente todas as capitais só que com ela e como comprovação, fotografar o Palácio do Governo Estadual de cada capital e as prefeituras. 


Outro objetivo era visitar todos os municípios do estado do Rio de Janeiro e de Minas Gerais.
No estado do Rio de Janeiro, já visitamos 80 municípios. Faltam 12.

Completamos os pontos extremos em novembro de 2015. Já visitamos também em Minas Gerais (113 municípios de 853), em Roraima (10 de 15) e no Acre (18 de 22). Pretendemos completar o Rio de Janeiro em 2016, MG até 2018, e AC e RR neste meio tempo.

Esse é nosso objetivo, compartilhar nossas aventuras, nossos roteiros, o estado das rodovias estaduais e federais do nosso país e tudo aquilo a mais que a intuição permitir. 

Os demais pontas turísticos mais importantes e habituais do nosso país já foram visitados e estão sendo visitados novamente como é o caso de Jericoacoara e Gramado. E temos aquilo que chamamos de "mancha em nossos currículos", que são lugares que ainda faltam conhecer e estão em nossa lista, como Noronha (PE), Chapada Diamantina (BA), Ilha Grande (RJ) e a Chapada dos Veadeiros (GO). Projetos futuros que nos permitem continuar com nossa maior paixão que é a viajar por terra.

Aos poucos iremos compartilhando as viagens já executadas ao longo de muitos anos.


Dyxklay Figueiredo